Books Martin Suter português

O meu novo autor favorito

Há muito tempo que não ficava satisfeita com o final de um livro. Na maioria das vezes, eu fico super decepcionada com o final, pois quando a história é muito boa, a expectativa é muito alta.

No inicio do ano (2019) conheci o autor suiço Martin Suter, quando li o livro Elefante, que conta a história de um animal clonado com algumas características inesperadas. Além da forma incrível que Suter escreve, fiquei fascinada com a veracidade e detalhes que explica sobre os experimentos de clonagem. Aleḿ disso, eu fiquei muito satisfeita com o final. hahaha, sim, sou uma pessoa difícil para gostar do final de um livro.

Outro ponto que fez a leitura tão especial, foi que um amigo meu, que eu respeito muito, me recomendou(e emprestou) o livro. Normalmente as coisas que ele me indica são muito boas, então um livro que ele recomendou só podia ser bom. Obrigada Marco <3

Gostei tanto da forma que Martin Suter escreveu, que decidi procurar outro livro dele. O segundo que li, O Cozinheiro se mostrou melhor ainda, com um final bem mais plausível, bem mais interessante e útil para a compreensão do meu dia a dia. Posso dizer até que ele agora faz parte do meu top 5/7.

O Cozinheiro(Der Koch) achei espetacular. Ele conta como um refugiado do Sri Lanka tenta se inserir na sociedade Suíça, conta seus experimentos na cozinha e no mercado de trabalho. Esse livro juntou muitos dos meus interesses e campos desconhecidos.

    Interesse:

       – comida

       – história

       – conflitos étnicos

       – imigração, dificuldades e multiculturalidade 

       – diferença de culturas

    Desconhecido:

       – cultura do Sri Lanka

       – cozinha molecular

       – política do Sri Lanka

       – alemão suíço (ler o idioma)

Por acaso, quando eu estava terminando o livro, o país (Sri Lanka) começou a aparecer novamente nos jornais e eu pude compreender bem melhor o conflito  local. Particularmente me interesso mais, entendo melhor e aprendo efetivamente, quando leio um livro com contexto sobre a história/conflito de um país. Você também? Se tiver dicas de livros assim, por favor compartilhe comigo 🙂

Outro ponto interessante foi ler uma passagem em que o personagem do Sri Lanka fala como os suíços são mais abertos e descontraídos. :O Eu quase tive um ataque de riso, depois fiquei receosa quanto ao jeito brasileiro de ser. No fim pensei: não importa aonde, sempre alguém vai me achar diferente e/ou esquisita haha. Mas foi sim um choque ler que os suíços :O sim, nooossa os suíços, aos olhos de alguém do Sri Lanka, são muito liberais.

Livros que recomendo e já li do Martin Suter até agora:

O Cozinheiro (publicado em 2010) (lido em 2019)

Elefante (publicado em 2017) (lido em 2019)

O Último Weynfeldt (publicado em 2008) (lido em março/april 2020)

Meus livros Top 5 até agora, que virou 7 heheh ou 6 se considerarmos os primeiros dois na mesma categoria (maio 2019).

-> gostei de muitos livros que li, mas esses são livros que eu leria e li várias vezes e acreditar que todos deveriam conhecer. Além de gostar muito da mensagem dessas histórias, eu admiro muito esses autores.

Elmer, o Elefante Xadrez (publicado em 1989) – David Mackee / Flicts (publicado em 1969) – Ziraldo (para mim a lição é parecida)

O Pequeno Príncipe (publicado em April 1943) – Antoine de Saint-Exupéry

O Cozinheiro (publicado em 2017) – Martin Suter

A História Sem Fim (publicado em 1979) – Michael Ende

Fomos maus alunos (publicado em 2003) – Gilberto Dimenstein e Ruben Alves

Demian (publicado em 1919) – Herman Hesse

Mais uma vez, me desculpe qualquer erro gramatical e/ou de concordância. Eu já moro há 6 anos na Alemanha e parece que o meu português tem dado uma piorada :/

Mas e você, já leu Martin Suter? Qual livro poderia me recomendar?

Quais livros marcaram a sua vida ou momentos dela? Tem um autor favorito?