E sem perceber, eu já estou há mais de um mês vivendo na Alemanha: reclamando bastante, comendo muita batata, sentindo vontade de beber cerveja em horas inusitadas, indo para o bar de bicicleta, bebendo água da torneira, planejando os compromissos com muita antecedência, usando lenço no pescoço e ficando incrivelmente feliz ao ver algo com vida como uma flor ou o SOOOL 😀

Iei, já alemanizei 😛 

Na verdade eu nem acredito como esse primeiro mêpassou tão rápido. Dessa vez o choque cultural foi bem diferente: primeiro eu não acreditava que tinha voltado para esse lugar frio com pessoas frias; depois senti que tudo era um paradoxo pois, ao mesmo tempo que finalmente eu tinha vindo realizar o meu sonho, estava sentindo MUITA saudades de casa e; agora, estou amando estar aqui.

Nesse último mês fiz amigos novos, pude contactar os amigos antigos, tenho uma rotina e já me “acostumei” com o país :D WIN!!!

Mesmo já conhecendo relativamente bem os costumes alemães, é bem dificil mudar de país e se expressar em outro idoma; principalmente para mim, que sou uma pessoas falante. Eu sei que cometos alguns erros, mas só vou melhorar falando e errando.

Quem me conhece, principalmente no Brasil, sabe que eu não durmo muito. Eu adoro aproveitar o dia e nunca recuso um convite mas… no início, eu estava sempre MUITO MUITO cansada e sem vontade de sair. Esse cansaço é reflexo de tudo o que eu estou aprendendo e, é por isso, que o meu corpo precisa do dobro de tempo para repor as energias. Não é só a língua que muda: é o clima, o modo de se vestir, os costumes, o jeito de se comportar, o modo de lavar a louça, de ir às compras, de usar o fogão. São pequenas regras do dia a dia que vão somando ao aprendizado da língua alemã e me deixando cansada. Eu até demorei para comecar a ter vontade de beber cerveja.  Heey, isso na Alemanha é meio que requisito para se adaptar: querer beber cerveja.

Há duas semanas aderi aos encontros com um Tandem Partner (explicarei em outro post) e achei super legal! Devia ter feito isso da outra vez que estava aqui. Outro ponto auge da semana foi participar de uma conferência internacional da AIESEC na Polônia. Apesar de ter sido bem dificil mudar de uma língua estrangeira (alemão), para outra (inglês), eu aprendi e aproiveitei muito. Da última vez em que estive na Alemanha (2012), eu conseguia mudar rápido do inglês para o espanhol; do português para o alemão e etc.. Que tooop! Só preciso me acostumar novamente :D Com um pouco de tempo e vontade tudo é possível 😉

Nos dias de sol todos os alemães e alemanizados ficam postando fotos comemorando o verão. Essa foto eu tirei na beira do Rio Elbe em Dresden no primeiro dia do horário de verão 😀

Para rolar uma interação, vou aqui listar os próximos tópicos e, se tiver alguma dúvida ou sugestão, por favor, me escreva :D

– Na Alemanha tudo é sempre perfeito :P

– AIESEC: uma linguagem, diversos países

– Como os alemães usam o banheiro

– Prepare-se para uma festa de república alemã :O